Concurso PC MT: Previsão de edital com 1.200 vagas em breve!

Concurso PC MT: Previsão de edital com 1.200 vagas em breve!

Excelente notícia para os concurseiros do Mato Grosso! Um novo edital para o concurso PC MT será publicado este ano. A previsão é que em até 90 dias o novo certame seja publicado. A informação foi dada pelo secretário de estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, durante a entrevista para o Jornal da Capital, realizada na última segunda-feira, 22/01/2018 como pode ser visto no vídeo abaixo.  

   

>> CURSO CARREIRAS POLICIAIS PRESENCIAL <<

>> CURSO CARREIRAS POLICIAIS ONLINE <<

Vagas para o Concurso PC MT

Segundo o secretário, “Estamos organizando o concurso público e nos próximos dias o governador irá autorizar o concurso de pc e pm… Planejamento Técnico: 600 escrivães, 600 Investigadores e 1.200 Policiais militares”

No dia 16/08, o secretário de Segurança Pública, Rogers Jarbas garantiu que o governador Pedro Taques confirmou a abertura do novo concurso PC MT, porém não estipulou uma data para a divulgação do edital.

“Estamos modificando a segurança pública de Mato Grosso. Precisamos de mais de 1.200 policiais para Polícia Judiciária Civil (..) Nós faremos isso. Além disso, vamos dar posse aos 100 delegados aprovados no concurso público. Queremos que todas delegacias do Estado tenham delegado”, disse Rogers Jarbas.

De acordo com Rogers, foram realizados levantamentos para que fossem definidos os cargos para os quais seriam realizados concursos PC MT. Depois desta análise, foi determinado que os certames deveriam acontecer ainda em 2017, porém, por questões técnicas, não ocorreu. A publicação do novo edital ficou para 2018.

Segundo o governador Pedro Tanques, as inscrições e as provas do concurso PC MT deverão ocorrer ainda este ano, e a expectativa é de que os aprovados tomem posse em 2018.

 

 

Remuneração

A remuneração para as ambas as funções é de aproximadamente R$ 4.741,59, além de auxílios.

 

Atribuições

Investigador: proceder à coleta e análise de dados de interesse da investigação policial, em assessoria e sob designação da autoridade policial; proceder, na ausência da autoridade policial, os devidos encaminhamentos aos procedimentos policiais nas tarefas que não forem privativas da autoridade policial, etc.

Escrivão: proceder à coleta e análise de dados, informações e conhecimento de interesse da investigação policial, em assessoria e sob designação da autoridade policial; proceder, na ausência da autoridade policial, os devidos encaminhamentos aos procedimentos policiais nas tarefas que não forem privativas da autoridade policial, entre outras.

Para concorrer em ambas as funções é necessário:

  • Nível superior;
  • Carteira de habilitação na categoria ‘B’, ‘C’ ou ‘D’ para o posto de investigador;

Últimas notícias

Concurso PF: É AUTORIZADO portaria PUBLICADA no DOU!

Concurso PF: É AUTORIZADO portaria PUBLICADA no DOU!

Foi publicado no Diário Oficial da União na madrugada desta sexta-feira, dia 20 de abril, a autorização do concurso PF. Na portaria também foi confirmada a distribuição das vagas. São 150 para o cargo de delegado, 60 para Perito, 80 para Escrivão, 30 para Papiloscopista e 180 para o cargo de Agente. Confira:

Concurso EBSERH 2018: Saiu Edital! São ofertadas 1.196 vagas para diversas áreas

Concurso EBSERH 2018: Saiu Edital! São ofertadas 1.196 vagas para diversas áreas

Como prometido, o edital do Concurso EBSERH foi publicado hoje, 22 de março. São dois editais divididos pelas áreas Médica, Assistencial e Administrativa que ofertam 1.196 vagas para diversas especialidades em nível médio e superior. As inscrições podem ser feitas dos dias 27 de março a 10 de abril no site da banca Cebraspe. A taxa de inscrição varia de acordo com a área escolhida. As lotações são em nível nacional.

Jungmann diz que está autorizado a contratar 500 policiais federais e 500 PRF

Jungmann diz que está autorizado a contratar 500 policiais federais e 500 PRF

Sobre a necessidade e urgência de reforçar recursos humanos, especialmente na Polícia Federal e na Polícia Rodoviária Federal, estamos autorizados a fazer concursos, com 500 novos agentes para a Polícia Federal e 500 novos agentes na Polícia Rodoviária Federal”, afirmou Jungmann, em entrevista coletiva.

Ver mais notícias